Dia Internacional da Vida Selvagem

A finalidade deste dia criado em 2013 pela ONU é celebrar a fauna e a flora do planeta, assim como alertar para os perigos do tráfico de espécies selvagens animais.

Foi escolhido o dia 3 de março para esta efeméride já que foi neste dia, em 1973, que se verificou a CITES – Convenção sobre o Comércio Internacional das Espécies de Fauna e Flora Selvagens Ameaçadas de Extinção. De acordo com a ONU, o tráfico de animais e a caça valem até 213 mil milhões de dólares por ano.

NEste dia tenta relembrar o contributo das plantas e dos animais selvagens para o desenvolvimento sustentável e para o bem-estar em geral da humanidade, além dos perigos diários que a vida selvagem corre em diversas frentes. Ainda segundo os dados da ONU temos:

  • 20.000 a 25.000 elefantes mortos anualmente em África;
  • 1.215 rinocerontes mortos em 2014 na África do Sul;
  • 100.000 elefantes africanos mortos de 2010 e 2012;
  • 1 milhão de pangolins retirados do seu habitat em dez anos;
  • 220 número de chimpanzés mortos em 2014;

    Portal C3 | Comunicação de interesse público | ComCausa | Jovens Jornalistas

Comunicando ComCausa

Ponto de Cultura e Mídia Livre ComCausa.