Dia Internacional das Crianças Desaparecidas

Nesta terça-feira, 25 de maio, ocorre o Dia Internacional das Crianças Desaparecidas. A data é um marco no enfrentamento à problemática do desaparecimento e, para dar visibilidade à questão, 18 países, entre eles, Brasil, Austrália, Inglaterra, Dinamarca, Grécia, Romênia, África do Sul, Noruega e Irlanda, realizarão a soltura de balões com fotos de crianças e adolescentes desaparecidos.

Um desses pais, o senhor Antônio Carlos Ratto divulgou um relato nove anos após o desaparecimento de seu filho, na carta emocionada ele fala sobre o sentimento de vazio sem o filho.

“Eu nunca vou esquecer o momento que lhe vi pela última vez. Seu rosto estava triste, seu olhar estava diferente, não houve sorriso. O meu também estava. Parece que nós prevíamos que alguma coisa ruim estava prestes a acontecer. “

SOS Crianças Desaparecidas da FIA 

A Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos do Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio do programa SOS Crianças Desaparecidas da FIA – Fundação para Infância e Adolescência -, lembra da marca de 3.252 de crianças e adolescentes localizados dentre 3.839 desaparecidos desde 1996, ano da implantação do programa. Segundo a secretaria, as buscas alcançaram 85% de êxito.

Alerta PRI

No dia 18 de março de 2021, o governador do Rio regulamentou a Lei nº 9.182, que cria o primeiro sistema de alerta por telefone do país para solucionar desaparecimentos de crianças e adolescentes. Criado pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, o Alerta Pri será usado pela Polícia Civil e torna obrigatória a divulgação de fotos e informações das vítimas pelas companhias de telefonia celular.

Segundo a Delegacia de Descoberta de Paradeiros, 4.545 pessoas entre 0 e 17 anos de idade desapareceram apenas na cidade do Rio de Janeiro em 2020. Deste total, mais de 96% dos casos foram solucionados. Para o governador, o Alerta Pri será mais uma ferramenta importante na elucidação desse tipo de crime.

A mensagem de urgência enviada pelo Alerta Pri vai conter o nome, a idade, as características físicas, o local de desaparecimento e todas as demais informações selecionadas pela Polícia Civil. O objetivo é agir rapidamente quando esse tipo de crime for registrado no sistema.

Assinatura Alerta Pri -

Veja o vídeo de Jovita Belford, superintendente Estadual de enfrentamento das pessoas desaparecidas e mãe de Priscila Vieira Belfort, desaparecida desde 9 de janeiro de 2004.

Segundo Jovita Belford, as mães dos desaparecidos convivem diariamente com as lembranças e questionamentos sobre como estariam seus filhos no momento.

Fotos do evento no Palácio Guanabara: Marcio Santos e Artur Messias

Para efetuar denúncias e saber mais sobre, entre em contato com o SOS Crianças Desaparecidas da FIA  

Portal C3 | Comunicação de interesse público | ComCausa

Adriano Dias

Jornalista militante e fundador da #ComCausa