Japeri inaugura Centro Especializado no Atendimento à Mulher

Japeri ganhou um Centro Especializado no Atendimento à Mulher (Ceam), o novo equipamento foi entregue à população pelo governador em exercício, Cláudio Castro, e a pela prefeita da cidade Fernanda Ontiveiros na última sexta-feira (05).

Localizado próximo a estação de Engenheiro Pedreira, o CEAM Japeri funcionará de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e contará com uma equipe interdisciplinar composta por assistentes sociais, psicólogos, advogada, educadores e motorista que irão fazer o acolhimento social e psicológico, além de dispor orientação e encaminhamento jurídico de mulheres em situação de violência. O CEAM também tem o papel de desenvolver ações de prevenção e enfrentamento à violência doméstica articular as redes de atendimento, especialmente nas áreas de saúde, assistência social, segurança pública e justiça.

“A inauguração deste Ceam em Japeri é muito importante. A violência contra as mulheres é um crime gravíssimo e que, infelizmente, aumentou em alguns locais durante a pandemia. Acolher e apoiar as mulheres vítimas é obrigação do poder público. E é isso que fazemos e buscamos aprimorar”, afirmou o governador Cláudio Castro.

Além do governador e da prefeita, e evento teve a participação do deputados estaduais, secretários, vereadores e movimentos sociais, como a ComCausa. “Japeri figura tem um dos maiores índices de violência contra a mulher no estado, por isso é muito importante que tenhamos o fortalecimento de politicas e criação de mais estrutura e programas de promoção e defesa dos direitos da mulher em nossa região”, afirma Adriano Dias, da ComCausa. Segundo o Dossiê Mulher de 2019, do Instituto de Segurança Pública do Estado do Rio de Janeiro (ISP), Guapimirim e Japeri tem 14,2 vítimas por grupo de 100 mil mulheres por residência.

Para a Coordenadora do espaço, Mônica Sampaio, o funcionamento do Ceam possibilitará o fortalecimento da autoestima das vítimas de violência, contribuindo para que se tornem protagonistas de seus próprios direitos e ampliem o nível de entendimento sobre as relações de gênero. “Japeri sofreu durante décadas com a carência de políticas de proteção e segurança no enfrentamento dos diversos tipos de violência. Por isso, se tornou urgente uma atenção maior à uma rede de apoio que atenda às vítimas. Nós, mulheres, queremos usufruir do direito de sair vivas de um relacionamento e o CEAM tem papel fundamental na garantia deste direito”, afirmou a psicóloga, que milita pela causa há cerca de 10 anos.

O CEAM Japeri fica na Av São João Evangelista s/n – Engenheiro Pedreira – Japeri- RJ – Email: ceamjaperisemast2021@gmail.com

Rede Mulher Baixada e Jovens Jornalistas pelos Direitos da Mulher

A Baixada Fluminense é comporta por treze municípios com cerca de 4 milhões de habitantes divididos com grandes diferenças sociais. Na região existe um alto índice de violência de gênero, das mais graves, até as simbólicas. A fim de contribuir com esta questão, a ComCausa criou um projeto de articulação e promoção da rede de apoio a Mulher na região. Já o ‘Jovens Jornalistas pelos Direitos da Mulher’ vai capacitar em técnicas de jornalismo comunitário, articulação e acionamento de rede de proteção na Baixada Fluminense. Utilizando a comunicação como principal ferramenta de empreendedorismos social, instrumento da prevenção à violência de motivação de gênero e canal de exigibilidade através da visibilidade.

Endereço: ComCausa.net/RedeMulherBaixada

Telefone 55 (21) 99957-3821 | Email: contato@comcausa.net 

 

Parceria:

Cese | Coordenadoria Ecumênica de Serviço

Apoio:

Valor ServiçosVig Fat Segurança

 

Maurer Corp Engenharia      Agência Virtuo Comunicação

| Portal C3 | Comunicação de interesse público | ComCausa | Jovens Jornalistas

Adriano Dias

Jornalista militante e fundador da #ComCausa