Muros espalham arte em Nova Iguaçu

A ação teve início em junho e se estenderá até agosto. A grafitagem tem sido adotada pela companhia como estratégia para transformar os muros em painéis com orientações de segurança, dicas de economia de energia, temas relacionados à sustentabilidade e serviços da empresa.

São representadas, em desenhos, dicas importantes de segurança com a rede elétrica, como a de não soltar pipas ou jogar bola nas proximidades das linhas de distribuição. As orientações sobre eficiência energética também marcam presença em grafites que orientam tomar banhos menos demorados e usar lâmpadas LED.

As subestações contempladas pelo projeto são: Água Grande (Campo Grande), Brás de Pina (Av. Brasil), Cachamorra (Campo Grande), Humaitá (Humaitá), Nova Iguaçu (Via Light), Bernardino Melo (Via Light), Democráticos (Linha Amarela), Brisamar (Rio Santos), Gardênia (Barra da Tijuca), Cascadura (Cascadura).

Para atuação, a empresa conta com a parceria dos grafiteiros Bruno Lima, Kelliton Silva, Rodrigo Vieira, Glauber Sousa e Andressa Souza.

A Light também reforça algumas dicas de segurança:

  • Não use os muros das subestações como apoio para nenhum tipo de construção;
  • Não pegue nada que cair no interior das subestações, como bolas, pipas ou balões, para a segurança de todos;
  • Só quem pode entrar nos locais são os profissionais técnicos da empresa autorizados.

Emanoelle Cavalcanti

Jornalista social e acadêmica de psicologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.