Programa de artesanato fortalece empreendedorismo em Nova Iguaçu

Através da Fundação Educacional e Cultural de Nova Iguaçu, Erica de Melo Oliveira, de 41 anos, e Ingrid de Melo, de 30 anos, moradoras do bairro da Cerâmica, em Nova Iguaçu, receberam a carteirinha da FENIG. A entrega foi realizada nas últimas duas semanas, no Centro Social São Vicente, o Patronato, no Centro do Município, seguindo um calendário para evitar aglomerações, devido à pandemia. “

No total, 401 novos profissionais do artesanato da Cidade foram cadastrados após o processo de inscrição e de avaliação realizado nos meses de janeiro e fevereiro deste ano. 

A FENIG realiza o projeto Trilhas do Conhecimento, que leva os artesãos a importantes espaços do artesanato do Estado, como o Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro e o Museu do Artesanato do Estado. Os profissionais cadastrados participam da Rio Artes Manuais, do Salão Estadual do Turismo e da Mega Artesanal, em São Paulo, a maior feira do setor na América Latina. Eles também têm descontos de até 30% em lojas parceiras, para a compra de materiais de trabalho. 

A Prefeitura de Nova Iguaçu está organizando diversas turmas do curso de Marketing Digital específico para os profissionais do artesanato, na Casa da Inovação, numa ação da FENIG, em conjunto com a Secretaria Municipal de Assuntos Estratégicos, Ciência, Tecnologia e Inovação.  Devido à pandemia de Covid-19, as medidas de isolamento levaram à FENIG a criar uma nova forma de tornar a quarentena um período proveitoso. A Fundação realizou uma série de lives no Instagram @fenig.novaiguacu sobre empreendedorismo, negócios digitais e oficinas de artesanato. Na telinha, os artesãos puderam fortalecer seus conhecimentos e trocar ideias sobre como vender seus produtos. O Programa Municipal de Incentivo à Leitura e à Escrita, através do projeto “Livros para Voar”, outra ação importante da FENIG, também conta com a série de lives “Papo Literário” com escritores de Nova Iguaçu, convidados a falar sobre a vocação literária da Cidade.

Portal C3 – Comunicação de interesse público – ComCausa

Emanoelle Cavalcanti

Jornalista social e acadêmica de psicologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.